Textão

Agora ainda é difícil, mas é melhor que antes.

01/11/2017

Milhares de mulheres são assassinadas todos os anos no Peru. Mas, agora, candidatas a miss falam disso em público. A diferença de salários entre homens e mulheres sempre foi gritante. Mas, agora, a Patricia Arquette faz um discurso sobre isso na festa do Oscar, enquanto Meryl Streep a aplaude. Sempre tivemos medo de passar por uma rua erma sozinha. Mas, agora, nós #vamosjuntas. Agora ainda é um tempo difícil, mas é melhor do que antes.

Há dez anos, eu procurava trabalho em Jerusalém, e um brasileiro amigo de um amigo marcou uma reunião comigo no restaurante de um hotel. No meio do jantar, ele começou a falar coisas bem inconvenientes e ficava insistindo para eu subir até seu quarto. Naquela noite, tinham umas judias ortodoxas esperando pelo elevador no lobby, eu apontei para essas meninas e disse a ele que eu era como elas, apesar de não usar roupas compridas. Foi o jeito idiota que eu encontrei para dizer, tentando não ofendê-lo, que eu não subiria a quarto nenhum em troca do melhor trabalho do mundo.

Agora, de vez em quando, eu ainda me lembro daquele dia. Gosto de pensar que, agora, eu me levantaria e o deixaria lá comendo sozinho. Agora, eu não me importaria em ofendê-lo. Agora, em milhares de mesas em hotéis de diferentes cidades do mundo uma cena assim acontece. Mas cada vez mais, mandamos que esses caras calem a boca. Agora é um tempo bom, apesar de tudo.

Agora é melhor, porque nós vamos juntas.

Comments

comments

Postagens relacionadas

0 Comentários

Deixe um comentário

Comments

Sabrina Abreu